O talentoso Luciano Dalla Marta fala sobre a Modernos Eternos - EYE4DESIGN O talentoso Luciano Dalla Marta fala sobre a Modernos Eternos - EYE4DESIGN
09-08-2016

O talentoso Luciano Dalla Marta fala sobre a Modernos Eternos

luciano_001

Luciano Dalla Marta será um dos 18 arquitetos que farão parte da terceira edição da Modernos Eternos. Esse ano, a mostra será um dos eventos ancora da DW! São Paulo Design Weekend, e vai ocorrer entre os dias 11 e 14 de agosto na Casa Bossa no Shopping Cidade Jardim. Luciano Dalla Marta conversou recentemente com a equipe do E4D em que foi falado sobre sua carreira, tendências, inspirações, e claro, a Modernos Eternos!

1) Você gosta de unir o ousado com o tradicional, étnico com contemporâneo. Esse seria o segredo de seu sucesso, Luciano?
Design, vintage e étnico são três elementos que fazem parte do DNA do meu trabalho. Sou muito curioso e por essa característica meu foco é entender o cliente, o seu modo de vida, respeitar todas as suas particularidades e assim ficar à vontade para surpreender nos detalhes, sejam eles uma peça da casa anterior, um item garimpado em um antiquário ou um elemento trazido de viagem. Acredito que o sucesso se deva a atenção aos detalhes.

2) Você se inspira em alguém? Se sim, em quem?

Me inspiro em muitas pessoas, e quando digo inspirar me refiro principalmente  a criatividade , ousadia mais do que no estilo propriamente dito, pois esse acredito ser meu. Adoro o francês Jean Louis Deniot pela elegância de seus projetos e ao mesmo originalidade com desenhos e geometrias em Mármore , Mobiliario mistura de elementos e sempre a união de peças únicas garimpadas em antiquários e brechós . Adoro o trabalho da américa Kelly Weastler principalmente pela ousadia , é uma profissional que nunca tem medo de ir além e desafiar seus próprios limites.

 

LDM_Panamby_imagem02

3) Como você definiria seu estilo de trabalho, Luciano?
Meu trabalho é uma mescla entre o ousado e o tradicional, étnico e contemporâneo. Essas são formas que encontro para expressar meu trabalho de maneira atemporal. Minha bagagem pessoal me ajuda a interpretar com personalidade cada projeto, sempre imprimindo a marca, seja com formas simples e elegantes ou excessos calculados.

4) Qual tipo de material não pode faltar em um projeto by Luciano Dalla Marta?

Acho que são vários, mas sempre uso algo em veludo pois deixa o ambiente aconchegante e de certa forma até mais elegante eu diria. Gosto do couro também por ser um material natural e que envelhece bem, uma boa peça em couro pode passar de casa em casa ou de geração em geração , fica com um aspecto vintage sempre interessante.

LDM_Itaim_imagem04

 

5) Você vai fazer parte da Modernos Eternos que começa agora no dia 11 de agosto. Você pode nos adiantar algum detalhe de seu projeto?
Meu ambiente foi pensado para um casal que teve a oportunidade de passar diversas temporadas no exterior, morando em lugares completamente diferentes, como Europa, Ásia e Estados Unidos. Com essa bagagem foram acumulando obras de arte, objetos, peças de mobiliário, e principalmente, amigos e histórias.

Destaque para uma peça raridade: a poltrona em metal e couro preta, de Jorge Zalszupin da década de 50 que talvez seja uma das únicas peças que o designer projetou sem utilizar madeira. Também aparece em primeira mão o papel de parede exclusivo desenhado por Matthew Williamson, tapete feito à mão da Botteh Tapetes, a poltrona dos anos 60 da Passado Composto Século XX, as mesas do Jader Almeida, comercializadas pela Dpot, sofá em jacarandá da década de 60, Novo Rumo e Nas obras de arte, destaque para o trabalho do artista urbano Gabriel Ribeiro sobre uma placa de concreto, as fotografias documentais de Glauco Tavares,  e a obra Minaret, de Damien Hirst, de 2009.

6) Para você qual a importância de mostras como a Modernos Eternos para o cenário da arquitetura e design nacional?

Acho esse tipo de mostra extremamente importante para que haja a aproximação da arte com o público. A arquitetura está presente no cotidiano das pessoas e deve fazer parte do dia-a-dia de todos. Esses eventos tornam a arquitetura e decoração assuntos tangíveis e acessíveis para as pessoas.

Especificamente na Modernos Eternos, o que considero mais importante é a valorização do vintage e os designs icônicos e originais, com materiais nobres e objetos feitos à mão. Os móveis e objetos carregam uma história fazem com que o passado se misture com o presente harmoniosamente.

7) Para finalizar, quais são as suas 3 músicas favoritas?

Tenho épocas , mas atualmente:

Troy Sivan – Youth

Martin Solveig – Do it Right

Charli XCX – Nuclear Seasons


TOPO

ASSINE NOSSA NEWSLETTER